segunda-feira, julho 30, 2007

People in motion

A várias pessoas três, que saberão logo quem são.

E não se pára.
Neste momento, há alguém que faz malas de regresso, depois de a sua vida ter mudado irreversivelmente.
Neste momento, também, uma amiga percorre uma cidade nova em busca de um sonho real. Depois da mudança, a mudança, a mudança.
Em Itália, alguém passa os dias, junto ao telefone, visitando Estados antigos e montanhas de encantar para adoçar as horas.
Ao mesmo tempo, amigos espalhados pelo mundo vão andando por aí, por longe, encontrando gente, fazendo coisas, não parando.
As vezes perguntamo-nos qual é o nosso lugar no meio deste movimento todo, que (nos) movimentamos nós.
Todos perguntam coisas, buscamos, buscamo-nos a nós próprios. E no meio da confusão, por vezes aparece a dúvida, o para quê, a sensação de que se vai por ali estancar irreversivelmente.

Às vezes a resposta a isto surge noutras respostas. Por exemplo, no dizer que todo este movimento nos mudou já de tal forma que é impossível voltar atrás. Que estamos marcados para sempre, e tudo o que façamos há-de estar cheio desta vontade de movimentar.
E isso guia-nos e permanece connosco, isso fica, onde quer que vamos e estejamos.

2 comentários:

T disse...

Acho que consigo identificar a 2a e a 3a pessoas ;) Tantas coisas nos marcam para sempre, sobretudo quando saimos do nosso muito pequeno cantinho e descobrimos que ha muito mais para alem dele. Quando vemos fotos de tempos passados e mal acreditamos nas coisas engracadas que ja fizemos. Quanto a saber qual e o nosso lugar neste mundo... Sera que alguma vez durante a vida saberemos? Penso que sim. Eu ainda nao sei qual e o meu, mas sei que continuo a procura do meu 'lugar ao sol'. jokas! T

Dumb disse...

O mundo é tão pequeno...