quinta-feira, novembro 22, 2007

Às voltas? Por aí mesmo! ;)

Eis aqui a transcrição de um post de alguém obviamente com os pés bem assentes no chão. Ou não: a cabeça cheia de sonhos e um olhar mais além. Assim seja! :)

Segunda-feira, Novembro 12
Bruxelas (post que se irá actualizando)

Dia 11: Saí há pouco de um encontro com uma funcionário portuguesa muito querida. Assim já velhota, mas com espírito super jovem, que me motivou muito na minha "busca". Obviamente que ela me disse para não voltar para Portugal, pois veria todas as portas fecharem-se... Chego a casa e falo com o amigo Francisco via MSN e eis o seu discurso:

Tenho de sair desta pasmaceira de meio intelectual. Ou é demasiadamente alternativo, ou é demasiadamente elitista. Ou tentas entrar na elite, ou crias uma alternativa que não dá dinheiro, mas que anima a populaça.


Neste meu périplo institucional tenho-me apercebido de que alguns dos funcionários europeus portugueses estão tão desligados da realidade do nosso país e da realidade em geral, que não compreendem porque passei um concurso para trabalhar nas instituições inferior à minha competência académica. Segundo eles, deveria ter tentado entrar logo para o topo. As coisas mudaram muito em 20 anos, e eles não sabem que hoje em dia já não se entra assim tão facilmente para o topo. Então, a mim, apetece-me gritar-lhes bem alto:

Entre ser secretária do dentista em Lisboa e ganhar 500 euros e ser assistente administrativa na Comissão europeia em Bruxelas e ganhar 5 vezes mais, eu prefiro a segunda opção!!!


Para continuar a ler aqui.

2 comentários:

Sandra Malandra disse...

Então e era mesmo o André que vi no Parlemento europeu!?!

O que é o MII pahhh!? Vais estudar outra vez?

Beijitos

bernardo disse...

resta acrescentar que um dado meio pode ao mesmo tempo ser alternativo E elitista :P